CAUSAS X EFEITOS


“Inversão de causa e efeito é uma falácia. Consiste em dar como causa de uma coisa aquilo que é na verdade seu efeito.

Exemplo: a propagação da SIDA foi provocada pela educação sexual.

Na verdade, foi exatamente o contrário. A epidemia de SIDA levou ao incremento da educação sexualcomo forma de prevenção.”

As pessoas, hoje, mais do que antes, vivem a exprimir como causa aquilo que, na verdade, é efeito. Analisam, julgam, debatem, discutem, enfim, dialogam sem fundamentação apropriada a respeito dos mais diversos assuntos relativos à vida humana.

A política não presta, o trânsito está doido e tantas e tantas afirmativas supostamente verídicas ditas por pessoas das mais diversas classses sociais c0m 0s mais diferentes níveis econômicos e de escolaridade. Palavras são ditas para exprimirem sentimentos, emoções, considerações, etc. Nós as dizemos de maneira tranquila ou de irritabilidade, de forma serena ou intempestiva, com suavidade ou explosivamente. Mas, no fundo, queremos que os nossos argumentos prevaleçam ante outra pessoa.

Mentimos como se estivéssemos falando a verdade; agimos com agressividade para contrapor, muitas vezes, o nosso erro ou escamotear aquilo que praticamos e desejamos não ser de conhecimento alheio. Usamos, enfim, de todos os meios para não revelarmos a causa verdadeira de nossas ações.

Vivemos, todavia, com o medo constante da perda. Seja ela de cunho afetivo, profissional, economico, financeiro ou, o que é pior, de fôro íntimo (quando não desejamos ser descobertos pela mentira que não nos permitiu falar a verdade).

Ouvi, hoje, na televisão uma atriz famosa falar que a vida é simples e que nós a tornamos difícil. Lembrei que falo isso há mais de trinta anos. Lembro que continuo falando que a vida é simples e não complexa. Já fui chamado de piegas, pueril e dono da verdade só porque concebo que através da simplicidade conseguimos elaborar análises e avaliações reais sobre os mais diversos conceitos de vivência humana.

Quanta ilusão pensarmos que as mentiras prevalecem sobre as verdades. Causas são causas; efeitos são efeitos. Quando confiamos em pessoas tudo se resume em aceitarmos palavras e atos como verdadeiros. Se assim fazemos é porque amamos essas pessoas e até que demonstrem o contrário as aceitamos como íntegras, honestas, leais, fiéis.

 

Anúncios