Espiritismo


Não se pode precisar com exatidão a data de aparecimento do Espiritismo.

Esses fatos sempre existiram desde os tempos mais remotos de nossa civilização.

Espíritas ingleses e americanos assinalam como data inicial do espiritismo, em tempos modernos, o dia 31 de março de 1848, na cidade de Hydesville, no Estado de Nova York, com o caso das irmãs Fox.

Na antiguidade e na idade média houve uma época de preparação dos adventos do movimento espírita com Emanuel Swedenborg.

Devido a posição da Igreja que não aceitava esses “ensinamentos”, a doutrina tornou-se popular e a sua prática foi alterada em sua essência.

O professor Hyppollite Léon Denizard Rivail, conhecido com o pseudônimo de Allan Kardec, lançou em 18 de abril de 1857 a obra “O Livro dos Espíritos” expondo os princípios fundamentais da Doutrina Espírita. Publicou várias outras obras como o “Livro dos Médiuns”, “O Evangelho segundo o Espiritismo”, “O Céu e o Inferno”, “A Gênese”.

Ele fundou o primeiro Centro Espírita do mundo, a Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas.

No Brasil, em pleno Império, em 17 de setembro de 1865, surgia o “Grupo Familiar de Espiritismo”, na cidade de Salvador, Bahia.

Em 2 de agosto de 1703, no Rio de Janeiro, surge a “Sociedade de Estudos Espíritas – Grupo Confúcio”. E já em 1881 foi realizado o “1º Congresso Espírita do Brasil”.

Continua…

Anúncios