O Tempo


Não só o tempo cronológico. Mas, acima de tudo, o tempo de amar. Como se houvesse, necessàriamente, tempo apropriado para se amar. Amor infantil. Amor juvenil. Amor adulto. Amor senil.

Amor é a expressão maior do ser humano. Que se busca; que se indaga; que se questiona. Como algo desejado e, muitas vezes, não encontrado o amor, repentinamente, se apresenta em um espaço inusitado, em uma situação não esperada, em circunstância inesperada.

Quantas pessoas passam pela vida à procura de alguém e morrem sem encontrar a outra metade. Vivem e convivem; dormem e acordam; sentem e suspiram. Acreditam que amam e são amados, até.

De repente, a vida se nos mostra diferente ! A vida arrebata; o tempo encurta; o sonho se torna real; as miríades de luz se tornam um grande caleidoscópio e toda a vida explode em nuances multicoloridas.

Toda uma vida  à procura da verdade. No olhar, no tocar, no sentir, no ouvir, no cheirar. Todos os sentidos aguçados. Pensamentos livres; sentimento aberto. Longo tempo. Busca incessante mas demorada. Anos e anos.

Pronto. Sem maiores delongas, acontece o inexplicável. Como dizem os poetas: amar por amar; amar sem saber o porquê; amar e ser amado.

Sempre que posso e em qualquer situação falo sobre o amor. AMOR.

Imagem : canaluminoso.blogspot.com

Mistério


Um certo mistério envolveu nosso encontro
No olhar cativante que abraçou meu corpo inteiro
No toque delicado das mãos, apalpando, descobrindo
Na suavidade das palavras sussuradas à meia-luz…

Na explosão do amor repentina, mas desejada
No momentos plenos da comunhão de anseios
No elo inquebrantável que uniu nossas almas
Da unicidade de objetivos, de metas a atingir…

Doce mistério que enriqueceu meu viver
Lançando um tapete de rosas rubras, vicejantes
No caminho almejado, percorrido, e já vivenciado
Múltiplas vezes em outras esferas do infinito

Nara Pamplona

Imagem : misteriodavida214.blogspot.com

Saudade


Doce palavra e amarga sensação.

Doce palavra porque tenho a beleza do mundo para lembrar-me de ti,

Amarga sensação porque a sinto tão dolorosa quando não te tenho comigo.

Amarga palavra e doce sensação!

Amarga palavra quando descrevo em poemas a saudade de ti,

Doce sensação que invade meu peito porque sei que estás comigo em pensamento.

Doce palavra ou amarga sensação!

Amarga sensação ou doce palavra…

Representa você em mim!

 Imagem : giiudiniz.blogspot.com
Autor: Ercia Missaio Koto

O Buscador


Iniciei, há algum tempo, a escrita de um livro em que o personagem central buscava ao longo de sua vida o alcance da elevação espiritual.

Alcance da elevação maior do ser humano através da força suprema do Universo, o AMOR. Amor em sua plenitude; compreensão e discernimento. Compreender verdadeiramente, sem impregnação do passado doentio, doloroso, desgastante, prejudicial, benéfico ou malévolo. Sem sentimento de culpa, arrependimento; sem sentimento de superioridade ou inferioridade. Sem salientação constante do continente mas, e principalmente, do conteúdo.

Um dia, um casal, atendido em consultório, me pediu para realizar uma palestra em uma associação de bairro sobre a vida. Lá falei que a vida só é vivida quando existe a compreensão da própria existência despojada de falsos  valores concebidos, muitas vezes, por mentes desprovidas de conhecimento espiritual.

Viver por viver. Que pena. Quanta solidão. Quanta pequenez; quanta obrigação.

Li uma mensagem assim: ” Não pense que a vida é difícil só porque aparecem alguns obstáculos em seu caminho. Não pense que o amor não existe só porque alguém iludiu você. Não pense que não existe verdade só porque descobriu a mentira. Não pense que a dor é ruim só porque se sentiu machucado. Não pense que a sinceridade é frágil só porque a falsidade foi forte. Não pense em nada disso, apenas caminhe na certeza de que os instantes são únicos, os momentos não se repetem e os dias não se refazem. Apenas viva-os…”

Viva-os sem pensar nas relações sociais ? Sem se incomodar com os julgamentos, na maioria das vezes, desrespeitosos quanto até, constantemente, malidicentes, agressivos e injuriosos ? Viva-os sim sem se  importar com o juízo de valor que as pessoas emitem sobre você ?

Coragem, verdade de sentimento. Sem se importar, ainda, com valores humanos “ditados pela divindade” ? Cair; levantar; perder e ganhar.

Então recordei de uma frase atribuída ao mago Merlin, da corte do Rei Arthur, que é assim: “Em algum lugar do mundo, uma derrota aguarda todas as pessoas. Algumas são destruídas por sua derrota, outras se tornam mesquinhas e pequenas pela vitória. A grandeza se encontra naquele que triunfa igualmente sobre a derrota e a vitória”.

Buscar cada vez mais compreensão. Sem preocupação para não levar à ansiedade. Para que a verdade seja verdadeira. Para que o que penso seja o que  sinto em relação à ação do meu existir.

Buscar e quando encontrar não ter medo de se aterrorizar. Buscar sem receios, sem obstáculos irreais. Buscar pela vida, pelo amor. É assim que eu penso viver…

continua…

Imagem : Caisdopensamento.wordpress.com

Yolanda


Hoje, está alegre toda a família.

São filhos e filhas, netos e netas, bisnetos e bisnetas, irmãs e todo um contingente de parentes que cantam os parabéns e desejam saúde, paz, felicidade, longa vida e, acima de tudo, AMOR para uma pessoa maravilhosa: nossa MÃE.

Já se vão noventa e poucos anos de existência cheios de alegria, tristeza, felicidade, respeito e consideração ao lado do velho Abelardo (chamado pelo G.A.D.U. em 1994).

Vida no interior; vida na cidade grande. Comadres, compadres. Peixe fresco, carne saudável; frutas frescas colhidas à época; verduras e legumes sem agrotóxicos. Como o velho dizia: “dormindo com as galinhas e acordando com o galo “.

Viajou por todo nosso país em companhia do marido, de irmãs e, às vezes, com filhos e netos. Gosta demais do Rio de Janeiro, sua viagem preferida.

Estou distante geogràficamente dessa comemoração mas, com certeza absoluta, ao lado da senhora, minha mãe, e de todos que irão lhe abraçar e render merecidas homenagens nesta data.

Que Deus nos proporcione muitos anos de vida ao seu lado. Receba nosso amor, nosso respeito e nosso carinho.

NÓS TE AMAMOS, MÃE QUERIDA !

Imagem: cap21.blogspot.com

Retorno ( O ponto de transição )


Já não é mais tempo das trevas; elas passaram e o solistício de inverno nos traz o esplendor e a vitória da luz.

O movimento de retorno da luz não é provocado pela força e quando há devoção esse movimento surge de maneira natural e de forma expontânea. Assim sendo a transformação do antigo apresenta-se fácil permitindo que o velho seja descartado e o novo introduzido nesse ciclo.

A associação de pessoas que têm os mesmos ideais permite que grupos se unam em público em harmonia com o tempo descartando os propósitos particulares e egoístas.

O movimento é cíclico e o caminho se completa em si mesmo evitando precipitá-lo artificialmente. Todas as coisas vêm de modo expontâneo  e tempo oportuno.

O retorno é um ato de auto-domínio e sempre exige decisão. Isto se torna mais fácil quando uma pessoa se encontra em boa companhia. Se consegue pôr de lado o orgulho e segue o exemplo dos homens de bem, encontra boa fortuna.

Quando o movimento de retorno chega não se deve buscar refúgio em desculpas banais e sim proceder a uma introspecção e a um auto-exame.

Fonte : I CHING, O Livro das Mutaçoes, Richard Wilhelm, Editora Pensamento

Museu de Xangai


A maravilhosa cidade chinesa já foi conhecida nos anos de 1930 como a Paris do Oriente.

Atualmente, em rápido crescimento Xangai mostra-se de resplandecente beleza e é local dos mais diversos e milionários negócios.

Seu museu, conhecido em todo o mundo, é de magnífica arquitetura e foi reaberto em 1995. Criado pelo arquiteto Xing Tonghe o Museu de Xangai possui a melhor vitrine de arte e antiguidades chinesas da Terra.

O seu interior abriga mais de 120.000 pinturas, artesanato, esculturas, cerâmica, entre outras preciosidades que possibilitam uma visão de mais de 5000 anos de história da China desde os tempos neolíticos até a data atual.

Xangai tem uma população estimada em 14.000.000 de habitantes e seu atual museu é três vezes maior que o original que foi inaugurado em 1952.

As atuais exposições desse museu são reconhecidas pelos expertos de todo o mundo como superiores às antigas e objeto de apreciação de um público de alto nível cultural.

OBRIGADO !


” Obrigado por me deixar chorar e por me fazer rir. Obrigado por me compreender sem julgar. “

” Em dar e receber com alegria reside o segredo da felicidade. ” (Khalil Gibran).

” Tudo o que fazemos pelos outros nos dá tanta satisfação interior que o esforço fica compensado em si mesmo. ” (Joseph Addison).

” Dou-lhe mil graças por me dar uma e mil razões para me amar, por me ensinar a ser mais livre e a me animar. ” (Graciela Zito).

” Pode-se devolver um empréstimo em ouro, mas você fica para sempre em dívida com aqueles que têm sido generosos com seu carinho.” (Sabedoria oriental).

“Sua generosidade vai mais além do que posso descrever, mas ainda que minha boca não possa dizê-lo, meu coração lhe estará agradecido. ” (Nicholas Rowe).

” Se sustentamos uma tocha para que ilumine o caminho para outros, não poderemos evitar que o nosso caminho também se ilumine.” (Ben Sweetland).

” Há momentos em que a nossa luz se opaca e alguém a reaviva. Cada um de nós tem motivos para pensar com agradecimento profundo naqueles que voltaram a acender nosso fogo interior. ” (Albert Schweltzer).