Boas Maneiras e Etiqueta urbanas


Desde muito tempo existem regras de convivência social. Do Egito antigo, quase 5 mil anos atrás, passando pela China de Confúcio que escreveu, também, regras para falar e comer corretamente, até Benjamin Franklin e George Washington, dois dos fundadores dos Estados Unidos, autores de regras de conduta para jovens, nosso comportamento mudou  substancialmente, principalmente, nos tempos atuais, com nossas cidades superlotadas com pessoas dos mais diversos tipos e com as mais diversas necessidades.

A etiqueta morreu? Acreditamos que não. Talvez, haja uma necessidade de relembrá-la, diariamente. As pessoas vivem aceleradas, introspectivas, egoístas, até, e não percebem, muitas vezes, seu comportamento agressivo no lar, no trabalho, no lazer, no seu dia-a-dia, enfim!

Podemos conviver pacìficamente no mundo atual? Claro que sim. Perceba as situações, na figura, de como não devemos nos comportar em ambientes públicos, por exemplo.

Foto publicada na revista Época n° 427, de 24 de julho de 2006, pág. 72/73.

1. sua namorada está com você, esqueceu?

2. se você quer passear com seu cão de estimação, vá ao parque onde ele poderá fazer suas necessidades em local adequado;

3. conduza seu carrinho do bebê pelas calçadas sabendo que tem preferência mas cuidado com as outras pessoas;

4. vá usar seu skate nos locais apropriados e não nas calçadas importunando os demais transeuntes;

5. você tem menos de 8 anos para andar de bicicleta nas calçadas?;

6. nossa! Você é tão discreto assim?;

7. você até que pode fumar em lugares públicos abertos mas os outros precisam respirar sua fumaça?.

É de bom alvitre observar algumas regras quando se está trabalhando para não cometer gafes, tão comuns nos dias de hoje:

° se alguém chora é por algum motivo; seja solidário (a);

° não importune os colegas com o toque alto do celular;

° se o computador de alguém está ligado e com a tela aberta não significa que se deva bisbilhotar o trabalho do colega;

° a sua mesa é de trabalho; não coloque objetos pessoais demais em cima dela;

° paquerar no trabalho pode ser assédio sexual. Cuidado!;

° se você é chefe e precisa repreender alguém, não faça isso na frente dos demais;

°seja notado pela dedicação ao seu trabalho e não pelas roupas extravagantes que possa estar usando, diàriamente.

continua…

Anúncios