A Páscoa


Palavra, Páscoa, encontrada no latim Pascae; na Grécia antiga, conhecida como Paska e entre os hebreus era Pessach, significando passagem.

Word, Easter, found in Latin Pascai; in ancient Greece, known as Paska and among the Hebrews was Passover, meaning passage.

Essa comemoração era festejada pela passagem do inverno para a primavera, durante o mês de março. Os povos da Europa, especialmente, os que viviam na região do Mar Mediterrâneo, entre eles, a civilização grega, sentiam-se esperançosos com a chegada da primavera para a produção e abastecimento de alimentos.

Os judeus salientavam essa comemoração pela relação do êxodo do Egito, por volta de 1250 a.C. e pela passagem do Mar Vermelho, quando fugiram daquele país.

Nesta data, eles comem o matzá (pão sem fermento) para lembrar sua fuga, de maneira rápida, do Egito quando não tiveram tempo para fermentar o pão.

Os cristãos antigos celebravam a data pela ressurreição de Jesus e que acontecia no domingo seguinte à lua cheia posterior ao equinócio da primavera, no dia 21 de março.

O coelho representa a fertilidade; êle se reproduz rapidamente e em grande quantidade. Significado da esperança de uma nova vida.

Os ovos apareceram nessas culturas como um presente que as pessoas trocavam entre si. E a tradição remonta aos persas, chineses, cristãos primitivos, alemães, armênios.

Os cristãos, no século XVIII, pintavam os ovos com cores da primavera. A substituição dos ovos cozidos e pintados pode estar relacionada à proibição do consumo de carne animal, no período da quaresma.

A versão mais aceita, todavia, é a de que com o surgimento da indústria do chocolate na Inglaterra, em 1830, mudou-se o hábito e o consumo aumentou de maneira considerável.

O cordeiro é o símbolo da aliança entre Deus e o povo judeu na Páscoa da antiga Lei. O girassol, que tem esse nome porque está sempre voltado para o Sol, representa a busca da luz que é Jesus.

Anúncios

Atlântida e Lemúria


Os continentes perdidos

Atlantis

Continent that existed where the Atlantic Ocean now is that sank in cataclysm (The Flood of  Noah) approximately 11,600 years ago.

A história desses continentes é realçada por eventos fantásticos polvilhados por fantasias, crenças, incredulidade e, acima de tudo, desconfiança quanto a veracidade de sua existência.

São enigmas, como a própria história da humanidade. E sabem os estudiosos que diversas civilizações da Terra foram perdidas deixando como testemunho de sua existência apenas fragmentos de sua cultura, arte, usos e costumes, língua, religião, etc.

Dizem alguns clarividentes, de forma categórica, que a Atlântida existiu e que foi a Terra-Mãe de civilizações como a grega, egípcia, indu, ariana, asteca, maia, dos peles-vermelhas americanos, etc. Afirmam que a Atlântida e a Lemúria datam de, pelo menos, 100.000 anos a.C. Continuar lendo

A Linguagem das Flores


The Language of Flowers

Dos gestos mais românticos, oferecer flores é demonstração de respeito, carinho, amor. Quem oferece expressa seu sentimento, quem recebe encanta-se em pura emoção.

Como dizia Cartola : ” as rosas não falam, simplesmente as rosas exalam o perfume que roubam de ti…”.

Para se oferecer flores com a devida intenção, faz-se necessário saber o significado de cada uma delas:

Rosas

° amarela felicidade, amizade     (para mulheres mais jovens)

° rosa amizade, carinho         (para mulheres jovens ou mais velhas) Continuar lendo

O Inferno e o Paraíso


Um samurai se apresentou, um dia, ao mestre zen Hakuin e lhe perguntou :

– Existe, realmente, um inferno e um paraíso ? E,  se eles existem, onde é que estão as suas portas ?

Hakuin o encarou com olhar provocador e perguntou :

– Quem é você para fazer uma pergunta dessas ?

– Sou um samurai, o primeiro dos samurais…

– Você, um samurai ? replicou o mestre com uma ponta de desprezo. – Você mais parece um mendigo.

Vermelho de raiva, o samurai desembainhou sua espada…

– Ah, é ?! Você tem até uma espada ? Mas é desajeitado demais para cortar a minha cabeça…

Fora de si, o guerreiro ergueu a espada para ferir o mestre. Mas, naquele instante, Hakuin murmurou:

– Aqui se abrem as portas do inferno.

Perplexo diante da tranquila segurança do monge, o samurai recolocou a espada na bainha e curvou o corpo em sinal de respeito.

– Aqui se abrem as portas do paraíso – disse-lhe, então, o mestre.

(Conto do mestre zen Hakuin, século 18)

” Filosofando “

Segundo a filosofia zen, o domínio de si mesmo é a própria base da sabedoria. Portanto, todos os excessos, todas as paixões são descartadas.

E a raiva faz parte disso. No entanto, podemos realmente viver sem excessos, nem paixões ? Às vezes, não existem também raivas positivas e encantadoras loucuras ? Nossa razão pode controlar tudo ?

Fonte : Fábulas filosóficas, Michel Piquemal e Philippe Lagautrière, Companhia Editora Nacional

Narcisismo


continuação…

Segunda teoria dos impulsos

Repousa sobre a distinção entre impulsos de vida e impulsos de morte :

° impulsos de vida (EROS) envolvem numa mesma unidade a oposição da auto-conservação e da conservação da espécie;

° impulsos de morte (THANATOS) têm por fim a dissolução dos conjuntos, sendo o fim de todo ser vivo a volta ao inorgânico.

Maturação dos impulsos

zonas erógenas : regiões do corpo cujo estímulo condiciona a satisfação libidinosa.

° fase oral primitiva (sucção) : primeiro trimestre de vida

° fase oral tardia : começa no segundo trimestre;

a mordida substitui a sucção : a união íntima com o objeto implica sua destruição : criança ambivalente; o interesse, sobretudo, pelo próprio corpo : criança narcisista.

° fase sádico-anal : segundo e terceiro anos de vida

as tensões se descarregam, principalmente, pela defecação;

a satisfação libidinosa está ligada à evacuação e à excitação da mucosa anal

ambivalência e bissexualidade

° fase fálica : entre os terceiro e quinto anos de vida

órgãos genitais (pênis e clitóris) tornam-se a zona erógena dominante;

as tensões descarregam-se, principalmente, pela masturbação genital acompanhada de fantasias;

COMPLEXO DE ÉDIPO (positivo) : consiste no fato de que, intensificando seu amor pela mãe, sente um conflito entre o amor pelo pai (baseado na sua identificação com o pai) e o ódio contra este; a angústia de castração leva o filho a renunciar a posse exclusiva da mãe.

COMPLEXO DE ÉDIPO (negativo) : ocorre quando a mãe é considerada impedimento ao amor para com o pai.

° fase genital : entre o sexto ano e a puberdade

período de latência (decréscimo do impulso dos instintos determinado mais pela cultura do que pelo crescimento biológico).

Gestão de Recursos Humanos


continuação…

A estrutura da administração de Recursos Humanos

° atividades de assessoria/consultoria

° atividades de execução

A organização e seus gerentes precisam :

° motivar pessoas e grupos

° operar o sistema técnico

° renovar a organização

° administrar o futuro

Para responder a problemas de :

° compromisso/absenteísmo/rotatividade

° produtividade/qualidade/satisfação da clientela

° complexidade/demandas múltiplas/forças competitivas

° crescimento/sobrevivência

Há necessidade, cada vez maior, de se priorizar, de se valorizar a área de Recursos Humanos tornando-a mais operativa, mais ágil, mais eficaz e eficiente permitindo, assim, uma mudança em sua gestão e conquistando credibilidade que leve a instituição a se tornar, verdadeiramente, uma ” parceira ” dos seus trabalhadores.

Se isso não ocorre, os trabalhadores não têm interesse em comunicar mudanças em suas vidas, de endereço e estado civil, habilitação profissional, o que interfere na veracidade dos dados fornecidos e na confiança nessas informações criando-se um círculo vicioso em que um não passa informações reais porque não vale a pena e o outro não acredita nas informações que recebe. É preciso que se possa discutir com os trabalhadores seus acertos e erros, seus pontos fortes e fracos, como características individuais e grupais.

Convém ressaltar que até hoje, ainda, não se privilegia a competência técnica das pessoas que executam ações da ” administração de pessoal ” e é uma área sem a devida priorização o que é demonstrado, na maioria das vezes, pela falta de informatização dessa área ou, no mínimo, é a última a ser informatizada. Hoje, ainda bem, essa situação não está tão acentuada.

Fica claro a consequência dessa atitude dos dirigentes : ” quanto menos importante é considerada a atividade de administração de pessoas, menos qualificadas as pessoas que trabalham nesse departamento e menos adequado o trabalho ali realizado, tornando-o objeto mais frequente de reclamações “, aliás, bastante justificadas !

Em um processo de Qualidade das organizações deve ser preconizada teoricamente a VALORIZAÇÃO DO SER HUMANO. Como valorizar o recurso humano com técnicos não valorizados trabalhando em um departamento sem a devida valorização ?

Vida Saudável


Os alimentos dividem-se em plásticos,energéticos e reguladores.

  • Plásticos:são os alimentos que contêm nutrientes que entram na formação da estrutura corporal:proteínas,cálcio e água.

  • Energéticos:são os alimentos cujos nutrientes predominantes produzem calorias:gordura(lipídios),hidrato de carbono ou carboidratos,açúcares e proteínas.

  • Reguladores:são os alimentos que permitem o equilíbrio das diversas funções por possuírem vitaminas(A,B,C,D,B12 etc.) e sais minerais (ferro,cálcio,sódio,potássio,iodo).


Algumas definições:

1.Alimentos:são substâncias que,quando introduzidas no organismo,têm a finalidade de promover o crescimento,a reparação dos tecidos,a produção de energia e o equilíbrio das diversas funções orgânicas.Os alimentos são substâncias de origem animal,vegetal e mineral.São exemplos de alimetos o arroz,o feijão,a carne,o leite,os ovos,etc.

2.Nutrientes:são as substâncias químicas constituintes dos alimentos e que podem ser utilizadas pelo organismo.São as seguintes:proteínas,carboidratos,lipídios,sais minerais(ferro,fósforo,sódio,cálcio),vitaminas (A,B,C,D) e água.

3.Energia:os alimentos sofrem a combustão orgânica e fornecem energia,representada pela unidade de calor,a CALORIA-quilo-caloria,kcal.A unidade de energia denomina-se joule.

4.Valor EnergéticoTotal-VET:corresponde à energia despendida pelo organismo no período de 24 horas e varia fundamentalmente com a atividade exercida.Anteriormente era denominado de Valor Calórico Total-VCT.

5.Metabolismo Básico:denomina-se matabolismo básico a quantidade de energia consumida pelo organismo em repouso,física e mentalmente,com,pelo menos,doze horas de jejum,e corresponde a atividade dos orgãos internos e à manutenção da temperatura corporal.

6.Dieta Normal ou Dieta Balanceada:corresponde a uma dieta calculada para o indivíduo e que forneça as quantidades necessárias à manutenção de sua boa saúde,isto é,que satisfaçam as exigências nutricionais do organismo,determinadas por caracteríticas inerentes ao indivíduo e pelo meio em que vive.

7.Nutrição:torna-se difícil encontrar uma definição que esclareça corretamente o termo.Dizemos que nutrição corresponde às consequências da alimentação para o organismo do indivíduo.Pedro Escudero define nutrição como “um conjunto de funções harmônicas e solidárias entre si,que tem por objetivo manter a integridade da matéria e conservar  a vida.

Fonte:Livro Educação Alimentar

//
//

Dia Mundial da Água


Dia Mundial da Água 2010

Pormenor do cartaz do Dia Mundial da Água 2010

“Água Limpa para um Mundo Saudável” é o tema da campanha do Dia Mundial da Água 2010, que se assinala a 22 de Março.

Em todo o mundo, o mês de Março é dedicado a atividades, celebrações e reflexões sobre o uso sustentável e consciente da água. A Organização das Nações Unidas (ONU) orienta o Dia Mundial da Água 2010 para a qualidade da água, com o objetivo de mostrar que na gestão dos recursos hídricos a qualidade desse recurso é tão importante como a quantidade.

Este ano, a campanha promovida pela ONU, para comemorar esta data, tem como tema “Água Limpa para um Mundo Saudável”.

Objetivos:

  • Promover a consciencialização sobre a conservação de ecossistemas saudáveis e bem-estar humano, abordando os crescentes desafios em relação à qualidade da água na gestão desse recurso;

  • Dar um maior realce ao tema da qualidade da água, alertando governos, organizações, comunidades e pessoas em todo o mundo para a adoção de medidas em relação a este tema e de prevenção na contaminação, limpeza e reabilitação.

Em 1992, na Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (UNCED), a Assembleia Geral da ONU declarou que no dia 22 de Março de cada ano, a partir de 1993, seria celebrado o Dia Mundial da Água.

Com a instituição do Dia Mundial da Água, os países foram convidados a aderir às recomendações da ONU relativas aos recursos hídricos e a concretizar atividades apropriadas ao contexto de cada país.

Para saber mais, consulte:

Dia Mundial da Água 2010 –  http://www.unwater.org/ – em inglês

Fonte : Portal da Saúde

Narcisismo


Palavra que deriva de uma lenda da mitologia grega, quando Narciso, um jovem e belo rapaz, rejeitou a ninfa Eco que era desesperadamente apaixonada por êle. Foi amaldiçoado, cuja punição seria amar a si mesmo incontrolável e permanentemente quando, principalmente, visse sua imagem refletida na água. Por não conseguir controlar sua paixão por si mesmo, Narciso suicidou-se por afogamento.

Freud acreditava que, desde o nascimento, o ser humano ” carrega ” algum nível de narcisismo dentro de si.

Narcisismo ” significa aquele estado de ânimo, aquela atitude espontânea do homem, em que o indivíduo se elege a si próprio, ao invés de aos outros, como objeto de amor “. (Karen Horney).

Não discutiremos as diversas linhas de pensamento sobre o assunto mas, parece-nos pertinente, apresentar alguns dados sobre este tema.

Instinto: ” comportamento animal fixado pela hereditariedade e característico da espécie “.

Impulso: ” ímpeto energético e motor que faz tender o organismo para um fim “.

Existem três momentos no desenvolvimento do processo impulsivo:

° fonte : estado de excitação no interior do corpo;

° fim : suprimir essa excitação;

° objeto : o instrumento por meio do qual se obtém a satisfação.

O impulso é um conceito-limite entre o biológico e o mental.

Teoria dos impulsos (até 1920)

° impulsos sexuais, são manifestações dinâmicas (libido)

° impulsos do ego

O conflito dos impulsos sexuais e dos impulsos do ego é o sentido do conflito neurótico.

Primeira modificação da teoria dos impulsos: descoberta do narcisismo (1911/14).

° tese: uma parte do egoísmo, do amor-próprio é da mesma natureza que a libido investida sobre os objetos exteriores.

Libido : é a energia geral dos impulsos sexuais investida sobre o ego, sobre outrem ou sobre as coisas.

Quanto mais o indivíduo ama a si próprio, menos ama os objetos e inversamente.

continua…

Ilusão (Maya)


A ilusão é uma confusão dos sentidos que provoca uma distorção da percepção. A ilusão pode ser causada por razões naturais (mudança e deformação do ambiente, mudança de clima, etc.) ou artificiais (camuflagem, mimetismo, efeitos sonoros, ilusionismo, dentre outros). Todos os sentidos podem ser confundidos por ilusões, mas as visuais são mais conhecidas. Uma vez que a percepção é baseada na interpretação dos sentidos, as pessoas podem experimentar ilusões de formas diferentes “. (Wikipedia).

” Engano dos sentidos ou do espírito que faz tomar a aparência pela realidade: a miragem é uma ilusão da vista; interpretação errônea de um fato “. (Dicionário online de português).

Para compreendermos a palavra maya, que se origina do sâncrito, é necessário interpretá-la sob dois sentidos, pelo menos.

Em primeiro lugar, é importante salientar a limitação física dos nossos sentidos, como a visão, por exemplo.

Se maya pode ser o nível de ilusão que nos rodeia, isso deve levar à compreensão de que essa palavra afirma a ilusão dos cinco sentidos humanos.

A filosofia hindu ressalta que ” o Universo é maya “. Deve-se, todavia, observar que essa afirmativa, no estágio atual da humanidade, não ” significa nada que possa ou deva ser descartado “.

Se falarmos sobre ilusão relativo à Natureza e ao Universo devemos fazê-lo, apenas, no sentido de que ambos estão em evolução e não são a Realidade Eterna e Imutável. Não podemos esquecer que a verdadeira realidade do Universo é o movimento eterno e, assim sendo, devemos aceitá-lo como algo real.

Busque mais. Pesquise. Você vai se surpreender.

Gestão de Recursos Humanos


Pressupõe-se que qualquer pessoa possa entender da Administração de Recursos Humanos até porque nas diversas atividades humanas cotidianas está envolvida uma série de conteúdos relacionados ao conhecimento administrativo.

Entendendo que a Administração de Recursos Humanos trata com e de pessoas percebe-se a areia movediça que é esse campo de trabalho porque é pouco objetivo e apesar de existerem ” leis e normas ” (caráter razoavelmente objetivo), a administração de RH se assenta sobre relações interpessoais evidenciadas, principalmente, por sensações e percepções. Continuar lendo

Pessoas fortes e elevadas


A ascensão de pessoas inferiores é a representação de uma situação  que é perigosa e desfavorável cujas possíveis consequências devem ser compreendidas e prevenidas a tempo.

Aquelas que são predestinadas à união, entre as quais há um mútuo depender, devem vir um ao encontro do outro. Mas nesse movimento de vir ao encontro se deve estar livre de intenções não reveladas, pois do contrário isso causaria malefícios.

Quando um elemento inferior surge numa intromissão indevida, é necessário contê-lo de imediato e com energia.

O elemento inferior não sofre violência, porém é mantido sob suave controle.

Pessoas insignificantes devem ser toleradas de modo a que permaneçam bem dispostas para conosco. Assim poderemos contar com elas quando o necessitarmos.

Um homem elevado e forte,  seguro de si, precisa proteger com tolerância os subordinados que estão sob sua responsabilidade. Ele possui em seu interior as linhas firmes da ordem e da beleza, mas não as ostenta. Ele não molesta seus subordinados com ostentações ou advertências cansativas.

Ao contrário, os deixa em completa liberdade, confiando firmemente no poder transformador de uma personalidade forte e íntegra. O destino é favorável.

Há pessoas que num digno sentimento de amor-próprio se mantêm afastadas de tudo o que é baixo, rechaçando-o bruscamente sempre que o encontram. Essas pessoas são criticadas como orgulhosas e inacessíveis, mas como não estão mais presas ao dever de agir no mundo, isso não tem grande importância. Sabem tolerar com tranquilidade a antipatia das massas.

Fonte : I Ching, o livro das mutações, Richard Wilhelm, Editora Pensamento, São Paulo.

A Vaca em sua ilha


Era uma vez uma vaca que vivia em uma ilha coberta de um capim gordo e verdejante. Ela passava o dia inteiro ali, até o por-do-sol, e engordava.

Mas quando a noite negra chegava, ela não via mais os prados cobertos de erva verde. E começava a ficar inquieta. O que iria comer na manhã seguinte ? Sem sombra de dúvida, ela iria morrer de fome. E essa inquietude a fazia emagrecer a olhos vistos.

Ao amanhecer, quando o dia se levantava, ela começava novamente a comer com mais sofreguidão e a engordar. Entretanto, quando a noite voltava, a mesma angústia a invadia, deixando-a bem magra e esquelética.

” Filosofando ” :

Será que não somos todos como essa vaca ? A inquietação do amanhã nos atormenta e nos entristece. Portanto, vivamos o presente, aproveitemos das benesses da vida.

Contudo, a angústia não é também parte da condição humana ? Ela, como o estresse que gera, não é um motor de vida ? Como encontrar um equilíbrio entre uma indiferença extrema e uma angústia que não deixa viver ?

Fonte : Fábulas filosóficas, Michel Piquemal e Philippe Lagautrière, Companhia Editora Nacional

Manaus


Cidade metropolitana, capital do Estado do Amazonas, em nosso maravilhoso Brasil, está localizada à margem esquerda do Rio Negro em plena floresta amazônica que se tornou, por algum tempo,  o ” pulmão do mundo “.

Uma das sedes da futura Copa do Mundo de 2014, a cidade conta com uma população de 1.713.156 habitantes, conforme o Censo demográfico do IBGE de 2006.

Com uma  Zona Franca, cujo Polo Industrial é modelo de desenvolvimento, Manaus representa, hoje, não só a união dos brasileiros que para cá vieram como de estrangeiros dos vários pontos do globo que aqui se radicaram, constituiram famílias,  trazendo seus usos, costumes, idiomas.

Representa nossa cidade um dos maiores PIB – Produto Interno Bruto – do Brasil, em tôrno de 30 bilhões de reais (Censo de 2004), com uma renda per capita de R$ 21.000,00, mais ou menos, de acôrdo com o Censo do mesmo ano.

Para os brasileiros que estão fora do país, principalmente, para diminuir a saudade, apresentamos imagens dos pontos turísticos que tanto impressionam os estrangeiros

Thanks for your visit.

Enjoy Manaus.

Agressividade em crianças


Dizem alguns psicólogos e outros especialistas no assunto que, dentre vários fatores, dois, especialmente, insegurança e fragilidade, se destacam como desencadeadores de comportamentos agressivos por parte das crianças.

Algumas situações, como o nascimento de um novo filho na família, desentendimentos constantes entre os pais, separação do casal, a morte de um parente bem próximo, podem possibilitar uma mudança repentina na maneira de agir da criança. Continuar lendo

Flor de Lótus


” A flor de lótus (Nelumbo Nucífera), também conhecida como lótus egípcio, lótus sagrado e lótus da Índia, é uma planta da família das ninfáceas (mesma família da Vitória-régia) nativa da  Ásia , Japão, Filipinas e Índia, principalmente “.

Essa flor é consagrada à Natureza e representa o Universo abstrato e concreto; tornou-se o emblema dos poderes produtivos da natureza espiritual e física. Ela é o símbolo da expansão espiritual, do sagrado, do puro.

É olhada com respeito e veneração pelos povos orientais e é sagrada desde a mais remota antiguidade, entre os indo-ários, egípcios e budistas.

Está associada a Buda; foi adotada como emblema cristão pela igreja grega e latim, que a substituiu mais tarde pelo lírio.

Também está ligada à representação dos chakras, na Índia; vê-se o lótus brotando do umbigo de Vishnu, um símbolo do Universo que se desenvolve do Sol central.

Os Budas em meditação estão assentados sobre flores de lótus. A flor cresce da escuridão do lodo para a superfície da água, abrindo suas flores somente após ter se erguido além da superfície, ficando imaculada de ambas, terra e água, que a nutriram.

A flor de lótus é um símbolo muito antigo e de origem puramente ária.

O anjo Gabriel, quando saúda Maria na cena da anunciação, traz em uma das mãos uma haste de lótus, o símbolo da geração e da criação, que vinha anunciar.

No Egito, o lótus era o emblema do poder gerador da Natureza por meio do Espírito.

É a única planta que regula seu calor interno, mantendo-o por volta de 35 graus Centígrados, a mesma temperatura do corpo humano. O botão da flor tem a forma de um coração e suas pétalas não caem quando ela morre, apenas secam.

É o principal símbolo da religião indiana Ayyavazhi, fundada no século XIX. Está presente no Sahasrara (também chamado de chakra da coroa), o 7° e mais importante dos chakras e se situa no alto da cabeça da pessoa.


Fonte :

Doutrina Secreta, Blavatsky, Helena P., Editora Pensamento, São Paulo

Bhagavad Gita

pt.wikipedia.org

http://www.viacapella.com.br

Mandalas


Mandala ” é a palavra sânscrita que significa círculo, uma representação geométrica da dinâmica relação entre o homem e o cosmo. De fato, toda mandala é a exposição plástica e visual do retorno à unidade pela delimitação de um espaço sagrado e atualização de um tempo divino “. (pt.wikipedia.org).

Das Wort Mandala (Sanskrit, n., मण्डल, ; tib.: དཀྱིལ་འཁོར།, dkyil ‘khor) bedeutet so viel wie Kreis und bezeichnet ein kreisförmiges oder quadratisches symbolisches Gebilde mit einem Zentrum, das ursprünglich im religiösen Kontext verwendet wurde.
de.wikipedia.org/wiki/Mandala

Mándala es un término de origen sánscrito, que significa diagramas o representaciones simbólicas bastante complejas, utilizadas tanto en el budismo como en el hinduismo. Según el Diccionario Sánscrito Inglés, de Monier Williams significa ‘círculo’. El Diccionario de la Lengua Española de la RAE acepta también «mandala» (मण्डल), sin tilde.

Mandala (मण्डल) est un terme sanskrit signifiant cercle, et par extension, sphère, environnement, communauté[1]. Puisqu’il désigne avant tout l’entourage sacré d’une déité, il est encore préférable d’appeler yantra[2] les représentations plus stylisées. Le diagramme symbolique du mandala peut alors servir de support de méditation. Certains mandalas, très élaborés et codifiés, en deviennent semi-figuratifs, semi-abstraits.

Mandala (मण्डल) is a Sanskrit word that means “circle”

Mandala (dal sanscrito maṇḍala (मण्डल), letteralmente: «essenza» (maṇḍa) + «possedere» o «contenere» (la); tradotto anche come «cerchio-circonferenza» o «ciclo», entrambi i significati derivanti dal termine tibetano dkyil khor) è un termine simbolico associato alla cultura veda ed in particolar modo alla raccolta di inni o libri chiamata Rig Veda. La parola è utilizzata, anche, per indicare un diagramma circolare costituito, di base, dall’associazione di diverse figure geometriche[1], le più usate delle quali sono il punto, il triangolo, il cerchio ed il quadrato. Il disegno riveste un significato spirituale e rituale sia nel Buddhismo che nell’Hinduismo.

O Lobo e a sua sombra


Um lobo saiu de sua toca em um fim de tarde, bem disposto e com grande apetite. E enquanto ele corria, a luz do sol poente batia sobre seu corpo, fazendo sua sombra aparecer refletida no chão.

Então, ele viu aquela sombra de si mesmo projetada no solo. E como a sombra de uma coisa é sempre bem maior que a própria coisa, ao ver aquilo, exclamou vaidoso : ” ora, ora, veja só o  quanto grande eu sou! Imagine eu, com todo esse tamanho, e ainda tendo que fugir de um insignificante leão! Eu o mostrarei, quando o encontrar, se ele ou eu, afinal, quem de verdade é o rei dos animais “.

E enquanto estava distraído envolto em seus pensamentos e gabando a si mesmo, um leão pulou sobre ele e o capturou.

Ele, então, exclamou com tanto arrependimento : ” Coitado de mim ! Minha exagerada autoestima foi a causa da minha perdição “.

Moral da História :

Não permita que suas fantasias o façam esquecer da realidade.

(Esopo)

A Grande Fraternidade Mundial


” La amistad es un alma que habita en dos cuerpos;

un corazón que habita en dos almas “.

(Aristóteles)

For everything

There is a season

Saudade            (Pablo Neruda)

Saudade é amar um passado que ainda não passou

é recusar um presente que nos machuca,

é não ver o futuro que nos convida.

Caridade

Use o tostão que sobra

E que em nada te aproveita,

Dar sempre é exemplificar a caridade perfeita

Caridade é, muitas vezes, fazer-se sempre o menor,

Está na luz da Humildade a caridade melhor.

Caridade é perdoar a quem te causa uma dor

É converter todo o espinho numa braçada de flor.

Caridade, enfim, na Terra é buscar a perfeição

A perfeição de si mesmo

No templo do coração.

(Casimiro Cunha/Psicografado por Chico Xavier)


Charity


Use the penny is left
And that in no way takes you,
Giving an example always perfect love!
Charity is often done is always the smallest,
You are the light of Humility charity better.
Charity is to forgive the one who causes you pain
It convert any thorn an armful of flowers.
Charity, after all, the Earth is to seek perfection
The perfection of himself
In the temple of the heart.

Pacto com a Felicidade


De hoje em diante, todos os dias ao acordar, direi :

Eu hoje vou ser feliz !

Vou lembrar de agradecer ao sol pelo seu calor e luminosidade. Sentirei que estou vivendo, respirando.

Posso desfrutar de todos os recursos da natureza, gratuitamente. Não preciso comprar o canto dos pássaros, nem o murmúrio das ondas do mar.

Lembrarei de sentir a beleza das árvores, das flores. Vou sorrir mais, sempre que puder. Vou cultivar mais amizades e neutralizar as inimizades.

Não vou julgar os atos dos meus semelhantes ou companheiros; vou aprimorar os meus.

Lembrarei de ligar para alguém para dizer que estou com saudades ! Reservarei minutos de silêncio, para ter a oportunidade de ouvir.

Não vou lamentar nem amargar as injustiças, vou pensar no que posso fazer para diminuir seus efeitos. Terei sempre em mente que um minuto passado, não volta mais.

Vou viver todos os minutos proveitosamente, não vou sofrer por antecipação prevendo futuros incertos, nem com atrasos, lembrando de coisas sobre as quais não tenho mais ação.

Não vou pensar no que não tenho e que gostaria de ter, mas em como posso ser feliz com o que possuo e o maior bem que possuo é a própria vida.

Vou lembrar de ler uma poesia e de ouvir uma canção, vou dedicá-las a alguém. Vou fazer alguma coisa para alguém, sem esperar nada em troca, apenas pelo prazer de ver alguém sorrir.

Vou lembrar que existe alguém que me quer bem; vou dedicar uns minutos de pensamento para os que já se foram, para que saibam que serão sempre uma doce lembrança até que venhamos a nos encontrar outra vez.

Vou procurar dar um pouco de alegria para alguém, especialmente, quando sentir que a tristeza e o desânimo querem se aproximar.

E quando a noite chegar, vou olhar para o céu, para as estrelas e para o luar e agradecer aos anjos e a Deus, porque

HOJE EU FUI FELIZ !

(Autor desconhecido)